Band e Pânico são condenados a indenizar vítima de pegadinha erótica

Pânico exibiu cenas em que atrizes seduzem vítima e a induzem a passar por situações humilhantes, sob o efeito de bebidas alcoólicas

São Paulo – A Justiça de São Paulo condenou o programa Pânico e a Rede Bandeirantes, onde o humorístico era exibido, a pagarem uma indenização de R$ 50 mil a um homem de 32 anos que foi vítima de uma pegadinha exibida em setembro de 2016 no quadro “Quarto do Pânico”. Os magistrados da 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo entenderam que o rapaz foi exposto a “situações vexatórias e humilhantes”.

Na pegadinha, que contou com a cumplicidade de um amigo do alvo, ele foi seduzido por uma atriz em um bar e convidado para o apartamento dela. No local, havia diversas câmeras. Sob o efeito de bebidas alcoólicas, o homem foi induzido a passar por situações humilhantes, como fazer pole dance de cueca, fazer flexões e imitar um cachorro. Enquanto isso, o humorista Márvio Lúcio assistia às cenas e fazia piadas.

A decisão foi tomada em 31 de janeiro. Em julgamento virtual, os desembargadores negaram um recurso apresentado pela emissora e pela PNC, produtora responsável pelo Pânico, contra uma condenação imposta pela 42ª Vara Cível de São Paulo.

A emissora e a produtora argumentam que, ao final da pegadinha, a vítima assinou um termo em que consentiu com a exibição das cenas. O entendimento dos desembargadores, no entanto, foi que o homem ainda estava embriagado quando assinou o documento.

“No caso concreto não resta demonstrado o consentimento, que não poderia ser obtido logo em seguida à participação do autor no quadro de humor, tendo em vista que ele aparentemente foi instigado a consumir elevado volume de bebida alcoólica, para que participasse embriagado como vítima de uma farsa”, afirma o relator, James Siano.

“As recorrentes aproveitaram da condição de embriaguez do apelado para produzir filmagem com aptidão de atingir sua honra, ante a criação de roteiro e produção de cenas vexaminosas amplamente divulgadas”, conclui.

Outro questionamento feito pela Band foi o fato de o rapaz ter demorado três anos para abrir o processo judicial, “o que causa estranheza”. Os desembargadores não viram isso como um impeditivo para a condenação.

O vídeo da pegadinha ficou disponível no YouTube durante anos, e foi retirado do ar durante o processo.

FONTE: Metrópoles

PUBLICIDADE

Comentários:

PUBLICIDADE

Colunistas

Thayronne Brito

É um especialista renomado no mercado digital, trazendo soluções inovadoras e estratégias eficazes para o sucesso online.

Bruno de Lima

Jornalista e graduado em Gestão da Tecnologia da Informação, traz uma abordagem única e perspicaz aos temas que aborda.

Gilmara Bandeira

A renomada Digital Influencer, Videomaker e Apresentadora, brilha com seu carisma e talento em cada projeto que realiza.

Silvano dias

O radialista incisivo e cativante do programa ‘Boca Quente’, trazendo as notícias mais quentes e opiniões afiadas para os ouvintes ávidos.

PUBLICIDADE

Mais visualizadas

Postagens relacionadas

SINFUMC emite nota de solidariedade aos professores de Cajazeiras pela acusação de políticos de falsificarem seus diplomas de mestrado
12 de julho de 2024

SINFUMC emite nota de solidariedade aos professores de Cajazeiras pela acusação de políticos de falsificarem seus diplomas de mestrado

O Sindicato dos Funcionários Municipais de Cajazeiras (SINFUMC), no Sertão da Paraíba, emitiu nota de solidariedade nesta quinta-feira (11.jul.2024) aos professores do município pela acusação de falsificação de

12 de julho de 2024
Incêndios transformam Pantanal em cemitério a céu aberto: cobras, jacarés e anfíbios são maioria entre animais mortos
11 de julho de 2024

Incêndios transformam Pantanal em cemitério a céu aberto: cobras, jacarés e anfíbios são maioria entre animais mortos

Os incêndios que atingem o Pantanal há mais de 90 dias fizeram com que o bioma se tornasse um grande cemitério a céu aberto. De acordo com o Grupo de

11 de julho de 2024
Homem é Preso Andando Pelado pelas Ruas de João Pessoa
11 de julho de 2024

Homem é Preso Andando Pelado pelas Ruas de João Pessoa

Na manhã desta quarta-feira (10), um episódio inusitado chamou a atenção dos moradores do bairro Valentina de Figueiredo, em João Pessoa. Um homem foi preso ao ser flagrado

11 de julho de 2024
Câmara dos deputados aprova isenção de impostos para carnes, peixes, queijos e sal
11 de julho de 2024

Câmara dos deputados aprova isenção de impostos para carnes, peixes, queijos e sal

A Câmara dos Deputados concluiu a votação do projeto que regulamenta a reforma tributária (Projeto de Lei Complementar 68/24), com várias mudanças em relação ao projeto original, de autoria do

11 de julho de 2024
Influenciadora virtual mais seguida do mundo, Lu do Magalu ganha versão ultra realista que evidencia até os poros da pele.
10 de julho de 2024

Influenciadora virtual mais seguida do mundo, Lu do Magalu ganha versão ultra realista que evidencia até os poros da pele.

A influenciadora virtual mais seguida do mundo, Lu do Magalu, acaba de ganhar uma nova versão ultra realista. Agora, seus seguidores podem apreciar com maior nitidez os poros

10 de julho de 2024